Voltar ao Site Principal

SETEMBRO OUTUBRO 2020

ENTREVISTA

Assipar aponta benefícios com transferência da gestão da central de Contenda (PR)

A associação que gerenciava a unidade aborda aspectos positivos da mudança e da parceria com inpEV

Cezar Alves, presidente da Assipar

Fundada em fevereiro de 2002, a Assipar (Associação dos Revendedores de Insumos Agropecuários da Região Metropolitana de Curitiba) tem sua história intimamente ligada ao funcionamento do Sistema Campo Limpo. Responsável durante quase 18 anos pela indicação e recebimento de embalagens vazias ou com sobras de defensivos agrícolas dos 34 municípios da região metropolitana de Curitiba (PR), a Assipar fechou acordo com o inpEV para transferência da gestão da unidade de Contenda, em outubro de 2019. Nesta entrevista, o presidente da Assipar, Cezar Alves, destaca o bom começo da nova fase da entidade, que continua parceira do inpEV na realização de recebimentos itinerantes e atividades educativas, mas passa ao Instituto a gestão da central.

 

 

 

1. Que benefícios para a associação você vê na mudança da gestão da unidade de recebimento para o inpEV?

A transferência proporcionou à Assipar condições de se dedicar de forma exclusiva ao atendimento das 42 empresas associadas e agricultores por meio de campanhas educativas e orientações no campo. A mudança trouxe benefícios ao centralizar no inpEV várias responsabilidades que ele está mais preparado para atender, como trabalhistas, jurídicas e ambientais. A associação obteve, inclusive, ganhos financeiros pela redução de custos e o Sistema Campo Limpo se beneficia quando o inpEV promove a padronização de seus processos operacionais, a centralização do gerenciamento, aproximação de órgãos governamentais, além de autonomia para a execução de inovações tecnológicas, alinhadas, por exemplo, à segurança do trabalho.

 

Cezar Alves, presidente da Assipar

A transferência proporcionou à Assipar condições de se dedicar de forma exclusiva ao atendimento das 42 empresas associadas e agricultores

CEZAR ALVES

2. Como avalia o período de transição da gestão?

A transição aconteceu de forma serena e sinérgica. Por meio de reuniões presenciais entre a equipe de Operações do inpEV e representantes da diretoria da Assipar, o projeto foi apresentado, as dúvidas resolvidas e, após a constatação de benefícios para todos, houve a aprovação unânime da transferência da gestão da unidade de recebimentos de Contenda. Assim, começamos a trabalhar e estamos satisfeitos ao ver, um ano depois, que 100% do que foi combinado tem sido cumprido e tudo está funcionando corretamente, pois o inpEV tem know-how para gerir bem o processo de recebimento e a destinação das embalagens.

3. Que papel a associação continua desempenhando no Sistema Campo Limpo e como imagina o futuro da parceria com o inpEV?

Por meio da participação ativa com os canais de distribuições, órgãos públicos e agricultores, a Assipar continua a desempenhar seu papel na educação ambiental por meio de treinamentos, palestras, orientações e distribuição de folhetos. Por ser o ponto de contato com o agricultor, temos condições de identificar problemas e oportunidades de melhoria e planejar ações educativas focadas nessas necessidades. Também continuamos promovendo os recebimentos itinerantes – foram 110 nos últimos 12 meses – e seguiremos apoiando as atividades no Dia Nacional do Campo Limpo. Os resultados até agora mostram que foi um bom negócio para todos acertar essa transferência. A parceria da responsabilidade compartilhada com todos os elos da cadeia só tende a se fortalecer com o estreitamento dos laços formados. É o caminho certo para aperfeiçoar o Sistema Campo Limpo.

VEJA TAMBÉM NESTA EDIÇÃO

Ações virtuais, resultados concretos

CENTRAL DE ILHÉUS FOI UMA DAS 97 UNIDADES QUE PROMOVEU A DOAÇÃO DE CESTAS BÁSICAS

Uma comemoração do bem

CENTRAL DE CONTENDA (PR) TEVE BEM-SUCEDIDA TRANSIÇÃO DE GESTÃO PARA O INPEV

Boas experiências com a gestão integrada de centrais de recebimento

AGRICULTOR DEVOLVE EMBALAGEM EM RECEBIMENTO ITINERANTE EM PALMEIRA, NO PARANÁ

Recebimentos itinerantes acontecem com segurança

NOVA CAMPANHA LAVE E DEVOLVA REFORÇA IMPORTÂNCIA DE AGRICULTORES CUMPRIREM SUAS RESPONSABILIDADES

Conscientização em alta